Acupuntura

Ao se falar em acupuntura é imprescindível falar da sua ação fisiológica no organismo, não se trata de uma simples mágica com agulhas, mas uma ciência muito bem desenvolvida que existe a mais de cinco mil anos e tem suas bases filosóficas calcadas na filosofia chinesa de onde provém suas técnicas e a difusão de seus ensinamentos. A acupuntura faz parte de várias técnicas que reunidas que formam a Medicina Tradicional Chinesa, que também é composta pela fitoterapia, moxabustão, Do in, Feng Shui, entre outras técnicas.
Especificamente a ação da acupuntura pela medicina tradicional chinesa ocorre pela liberação ou sedação da energia Chi-ke no ponto onde é agulhado, sendo este um regulador das energias dos meridianos. Ao sedar ou estimular o ponto estaremos equilibrando a energia do paciente, de acordo com sua necessidade.
Para a medicina ocidental a ação da acupuntura ocorre pela liberação de endorfinas ao se picar com agulhas determinados pontos. Não se sabe ao certo a ação específica da cada um dos pontos ou do conjunto dos pontos, uma vez que estas reações não podem ser mensuradas de acordo com os padrões científicos atuais.
Para os chineses o corpo humano é um micro cosmos dentro de um macro cosmos (Universo), e o ponto de acupuntura “Xue Tao” ou caverna do Tao, é um micro cosmos dentro de um macro cosmos (Corpo Humano). Anatomicamente todo ponto de acupuntura está localizado em uma depressão palpável, razão pela qual o termo caverna, também pode se interpretado como fossa, ele também não existe anatomicamente, porém existe energeticamente. Tem elevada condutibilidade e baixa resistência elétricas por isso é possível detectá-lo através de equipamentos específicos.

A Consulta é iniciada por uma extensa anamnese onde são feitas:

• Entrevista
• Pulsologia
• História das doenças que já acometeram o paciente
• Queixa principal e doenças que o estão afligindo neste momento
• Análise dos Olhos, Nariz, face, Língua, Palma da Mão
• Questionamentos psicoemocionais tais como Fobias, sonhos, ansiedade, stress, depressão.
• Histórico Familiar
• Dores erráticas pelo corpo onde se faz a análise dos Pontos – Relação com patologia e Histórico.

Vamos classificar estas informações verificando onde há excesso de energia e onde há insuficiência, elegendo os pontos necessários para o tratamento de cada paciente, o tratamento e individualizado e o mesmo conjunto de pontos necessariamente não é usado para dois pacientes distintos ainda que sofram da mesma doença.

As doenças mais comuns tratáveis com a acupuntura são, dores musculares, ósseas, dores erráticas, fibromialgia, doenças psicoemocionais (ansiedade, stress, depressão, bipolaridade), auxílio ao tabagismo, redução de peso, dores relacionadas a excesso de atividades físicas, pós-operatórios em cicatrizes. E mais recentemente temos atuado na área estética na redução de estrias, celulites, marcas de expressão, varizes, e manchas de pele.
Sempre que o paciente é indicado para a acupuntura durante a entrevista o profissional irá avaliar qual é a conduta mais adequada para este paciente, de modo a solucionar a queixa principal o mais breve possível o que geralmente ocorre após o segundo ou terceiro atendimento.
A agulha é descartável e não se faz introdução profunda, apenas superficial, porque não é necessário atingir tecido subcutâneo para que sua ação corra no organismo, algumas técnicas associadas como a auriculoterapia, iram prologar o efeito por uma ou duas semanas, o que irá potencializar a ação do tratamento enquanto o paciente está em casa.